Wednesday, March 09, 2005

Onde está o sol?

Uma das coisas difíceis de suportar em Bruxelas são os Invernos longos, cinzentos, chuvosos e frios. A partir do final de Fevereiro começam todos a ficar francamente fartos e isso nota-se na frieza, mesmo antipatia, com que os contactos entre as pessoas se dão, nota-se no ar triste e cansado das pessoas que cruzamos na rua, nota-se na falta de vontade de sair da cama de manhã...
Nesta altura, em que todos esperam ansiosamente pela Primavera e pelo sol, os livros e os amigos (não necessariamente por esta ordem) são as pedras preciosas que refletem a pouca luz que existe. E, claro, os telefonemas para Lisboa para matar saudades.
É que a falta de sol é como a falta de sal na comida, tudo fica sem sabor.
Desculpem este longo desabafo, mas o sol é o chupa-chupa da minha alma!