Tuesday, March 22, 2005

Televisão

Estou sem televisão e estarei assim pelo menos durante uma semana.
É uma experiência gira! Não é que eu seja fanática da caixa mágica mas tenho que admitir que estou mais dependente do que eu pensava. Não fumo, não bebo, mas "zapo"! Pois é, ontem a minha mão foi automaticamente umas poucas de vezes ao comando para ver o que a televisão estava a dar. Mais uma fraqueza que tenho que admitir.
Mas, como é preciso ver sempre o lado bom das coisas, é agora que avanço a leitura dos livros que estão empilhados à espera que eu lhes toque.
Aproveitarei também o silêncio para meditar, esclarecer ideias na minha cabeça, delinear estratégias de acção futura.
E quando o silêncio me pesar, há sempre discos para ouvir. Sobretudo agora que me apaixonei por uma canção africana linda: "Malaika". Já tenho várias versões e não me canso de as escutar.
Se a própria casa me apertar, posso sempre dar um giro e gozar a Primavera bruxelense (cada um goza o que tem...).
Quem diria que é possível viver sem televisão!