Tuesday, October 16, 2007

Sem jeito

Parece, por vezes, que as palavras ganham vida própria, nos fogem dos aparos das canetas e se divertem a inventar sentidos que não queremos que tenham.
Queremos que sejam objectivas e elas torcem-se em arabescos, queremos que sejam suaves e elas endireitam-se em rigidez agressiva, queremos que sejam risonhas e elas transformam-se em lágrimas.
Cuidadosamente pousamos a caneta, à procura de um silêncio reparador e ele alia-se às palavras e ali fica acusador, pensativo, insuportável.
Pensamos, ponderamos, escolhemos e desenhamos uma flor com a caneta! Uma flor para dizer que sim, uma flor para dar esperança, uma flor para receber um sorriso, um piscar de olhos!
Desenhamos com medo, com medo de que também essa flor entre no jogo e se revista de espinhos e de rosa passe a cacto!
Sem saber mais o que fazer encostamo-nos na cadeira e deixamo-nos ir ao sabor da corrente.

23 Flocos de neve

Blogger NoKas atirou uma bola de neve ...

Há palavras que fluem melhor numas mãos do que noutras. Gosto de como elas ganham vida nas tuas (mesmo que nem sempre te obedeçam, as malandras)!

(pronto: um momento snif snif!)

3:24 pm  
Blogger Pitucha atirou uma bola de neve ...

Nokas
lol, eu chamo-lhe momentos calimero!
Beijos

3:30 pm  
Blogger Melões Melodia atirou uma bola de neve ...

Ha cactos bem bonitos!
Beijos

3:59 pm  
Blogger Pitucha atirou uma bola de neve ...

Melões
Sem dúvida!
Beijos

5:09 pm  
Blogger pessoana atirou uma bola de neve ...

É que era isso que eu queria ter escrito e não escrevi!
Falta de jeito!:-)

6:15 pm  
Blogger Pitucha atirou uma bola de neve ...

Pessoana
Tu escreverias melhor!
Beijos

6:22 pm  
Blogger IO atirou uma bola de neve ...

Com jeito, a tua caneta para escrever bonito. E gostei muito dos 'posts' sobre as viagens, abaixo - um beijo, IO.

12:23 am  
Blogger Madalena atirou uma bola de neve ...

O processo criativo a tomar conta da Pitucha! Liiiindo! Tenho um "lindómetro" que acende quando leio coisas assim! Mil beijinhos!

12:34 am  
Blogger Laura Lara atirou uma bola de neve ...

Se eu tivesse um "lindómetro", também acenderia. Mas é único, exclusivo da Madalena... será que mo empresta por um bocadinho?
ACENDEU!!!!
Beijinhos

2:25 am  
Blogger FL atirou uma bola de neve ...

Tanto a rosa como o cacto são figurantes no quadro da vida. Agora a tua forma de escrever é uma imparável tinta colorida.

Gostei muito.

2:53 am  
Blogger Pitucha atirou uma bola de neve ...

Chuinguita
Sabes que prezo imenso as tuas opiniões!
Obrigada
Beijos

Madalena e Laura
Ohos de tia e mãe são sempre muito subjectivos, não é?!
Beijos

FL
Fico contente por teres gostado.
Beijos

8:34 am  
Blogger MRP atirou uma bola de neve ...

realmente, Pitucha, muito bonito. Leva a pensar qual é o verdadeiro sentido das palavras: O que nós lhe quisemos dar ou o que os outros lhes dao quando as ouvem (ou lêem)?

9:39 am  
Blogger Pitucha atirou uma bola de neve ...

MRP
É toda a dificuldade da comunicação, não é?
Beijos

10:05 am  
Blogger Carlota atirou uma bola de neve ...

Uma Pitucha sem jeito é uma impossibilidade técnica. Toda a gente sabe!
:)

12:16 pm  
Blogger Pitucha atirou uma bola de neve ...

Carlota
I wish it were true!
Beijos

12:22 pm  
Blogger Skyman atirou uma bola de neve ...

"Ao sabor da corrente". Expressão muito utilizada aqui pelo areal.Sabes Pitucha, tal como aqui neste Oceano, a dificuldade é saberes escolher aquelas que te levarão a bom porto.
bjo

1:31 pm  
Blogger Pitucha atirou uma bola de neve ...

Skyman
Sem dúvida!
Beijos

1:57 pm  
Blogger NoKas atirou uma bola de neve ...

Porquê Calimero?

2:38 pm  
Blogger Pitucha atirou uma bola de neve ...

Nokas
Assim um momento cuchi, cuchi, it's an injustice, it is!
:-)
Beijos

2:51 pm  
Blogger Sinapse atirou uma bola de neve ...

Outro belíssimo texto! ... que mestria, Pitucha ... andas inspiradíssima!

8:18 pm  
Blogger Pitucha atirou uma bola de neve ...

Sinapse
É do cinzento...
Beijos

9:33 pm  
Blogger Catarina em Lx atirou uma bola de neve ...

O peso das palavras pode não aliviar a alma... por vezes, o silêncio é mesmo de ouro... o silêncio de palavras, de ideias, e pensamentos...

11:18 pm  
Blogger Pitucha atirou uma bola de neve ...

Catarina
Por vezes é!
Beijos

11:43 pm  

Post a Comment

<< De volta ao cinzento